domingo, 18 de setembro de 2011

NIKKO – SADOU

9h a Kurihara-san me levou pra casa da Hanzawa-san.
Nossa, que casa linda!! E do ladinho do Seishonen (onde eu vivo! – hahahaha… nossa, "onde eu vivo" ficou bem dramático)
Ela me mostrou toda a casa, bem tradicional no estilo da Kurihara-san!
Enquanto ela fazia um monte de coisa (estendia roupa, recolhia roupa, me servia Coca-Cola, conversava um pouco comigo e sei lá o que mais – porque não parava quieta…) eu fiquei conversando com o marido dela. Os dois muito atenciosos, super acolhedores! Um casal bem fofo, eu achei! Aí depois de uma hora, fomos para a casa da amica da Hanzawa.

Eram 2! A Yamada-san (muito engraçada!) e a Kataoka-san (phyna de kimono) as duas professoras de Sadou (Cerimônia do Chá).

Yamada, Hanzawa e Kataoka
O Kimono tem várias camadas: essa vem antes do kimono propriamente dito!

Fomos as 4, mini-trupe pra Nikko! A Kataoka-san que foi dirigindo! Muito divertido ver uma senhora de kimono, super tradicional, dirigindo um carrão moderno! :D
A paisagem no caminho inteiro era linda! O tempo estava maravilhoso, céu de brigadeiro (que nem já ouvi na Globo! huahuahau)…

Paramos pra comer comida chinesa e mandei ver no yakissoba! Não queria arriscar pedir algo "X" e depois passar fome o dia inteiro! Huahaua…

Diferente do Brasil, mas muito gostoso! Sopa de milho e sobremesa esquisitinha lá em cima!
Fomos na cerimônia. Preciso pesquisar melhor sobre… é bonita…

Na primeira cerimônia do chá.

Eu imaginava que era diferente… Achava que todo mundo preparava o chá, todo mundo fazia tudo junto!
Mas não… você vai para ser servido! Pra apreciar um bom chá, uma linda cerâmica, um bom serviço, ah, e um bom docinho também que eles servem antes do chá.
E fim. É isso…
Servindo os docinhos de entrada.

O chá beeeem verdinho e amargo!


Tem todo um esquema: as pessoas já levam seu próprio "guardanapo" (na verdade é puro luxo: é uma folha de washi – aquele papel japonês tradicional, que tem um monte de fibras no meio) e um "palitinho" (mas é próprio pro Sadou, só se usa lá e ele tem um design especial pra poder cortar o docinho – devia ter tirado uma foto…). E também, quando está calor, os japas sempre tem um leque na bolsa. Mas o leque que se usa no Sadou também é específico pra cerimônia. Só se usa lá também. Ele é menor, mais delicado.

Leque para a Cerimônia do Chá.

Fomos em 2 cerimônias. Me explicaram que cada lugar tem tipo… não sei explicar, mas tem tipo uma tradição diferente. Na 2ª cerimônia, os rituais eram outros… a sequência era um pouco diferente…
E sempre tem um arranjo de flores (ikebana) com 5 tipos de flores diferentes.

Ah… sei lá porque! Por isso preciso pesquisar melhor sobre! Fiquei curiosa!

Ah, quando você recebe o tyawan (tigelinha) de otchá (chá verde), você tem que dar tipo duas suaves viradinhas no tyawan, pra esquerda. Bebe, aprecia o sabor e depois faz o contrário. 2 suaves viradinhas pra direita. Por que? A maioria dos tyawans tem um desenho numa parte dele. É considerada a parte mais bonita. É pra admirar a arte.
Então, quando você for beber, não é pra botar a bocona na parte mais lindya do tyawan!!! Aí tu dá as viradinhas bem lindas… bem gueixa phyna, bebe o chá… desfaz as viradinhas e aprecia o tyawan! Fica blasé olhando pro desenho... É tudo muuuuuuuuuuuuuuuito sereno…
Ah, e o último gole que vc dá, tem que fazer barulhinho!!! Shuuuurpp!! Sabe?

É interessante! Bem tradicional!

Já na segunda cerimônia.
As prof's sendo servidas com uma certa exclusividade! :) Quando vc recebe o chá, tem que falar pra pessoa do lado "Osakini" (puatz... era isso!? Agora esqueci!)
Depois que acaba a cerimônia tooodo mundo vai pra mesinha central admirar isso...! Admirar a arte talhada nas peças de bambu!

A Ikebana com 5 tipos de flores diferentes.

Matchá! Pozinho verde que se transforma magicamente em chá!

Pocinho de água natural que podia beber! Parece que foi depilado! huahauhau...! (daquelas.. ¬¬)
Agora sobre Nikko Toshogo Shrine

Enorrrrme! É muito grande!
Será que você que era o Shogun?!
É uma construção imponente feita em honra ao primeiro Shogun do Governo do período Edo, chamado Ieyasu Tokugawa.
Muito linda, poderosa. Foi feita e decorada pelos melhores artistas do período!
Tati-mon e o Gato Dorminhoco (Sakashita-mon e Nemurineko). Só o Shogun podia entrar lá e o Gatinho é o guardião do portal! hahaha...
Contando histórias!

Seu lindo!

Tem um parque em Nikko que quero muito ir!
Chama Nikko Edo Village! É um parque temático do período Edo. Tem ninjas, shoguns, matsuri, shows! Deve ser mor lekal!

Tem o templo dos macaquinhos "Não ver maldades, não falar maldades nem ouvir maldades". Pelo que entendi da explicação da Hanzawa-san, todos esses templos de Nikko contam histórias. Você vâ a famosa escultura desses macaquinhos, mas depois mostra eles fazendo outras coisas. E me parece que era uma analogia ao homem. Os macaquinhos são a representação da vida do homem. (ai, como me falta internet nesse quarto! Vou escrevendo conforme minha mente criativa constrói os diálogos semi-entendidos! hahaha… Se eu estiver falando besteira, me corrijam, tá!?)

Não ouço, não falo nem vejo maldades!
Não sei o nome disso! Mas a Makino-sensei me explicou que os japoneses importaram muita cultura chinesa há mukashi-mukashi (muito tempo atrás). Lá pelos anos 500. A cultura chinesa era considerada muito, mas muito avançada naquela época. Aí os Shoguns mandavam japinhas pra ir pra China estudar tudo, inclusive a arquitetura. Essa torre comprida, vc pensa... "É, mas e quando tem terremoto? Não cai, não?" Não. Os tyukas (hahaha... chinês é chamado de tyugoku-jin. Se for falar da culinária: tyuka-ryori) inventaram um esquema que construção que faz com que a estrutura não se rache, mas se mova. Vix... compliquei tudo!!! Enfim, não quebra, não!

Presentes dos amicos! huahaua... acho que de outros Shoguns quando visitavam o coleguinha! São barris de saquê! huuum! Tem um monte lá!
Ah, a história das pedrinhas!


Olha o Mário Bros de pijama ali no fundo! :)

Uma vez por ano vem uma galera pro Nikko Toshogo pra fazer uma coisa insana: limpar essas pedrinhas! (é muuuuuuuuuita pedrinha)
Elas são quase que encaixadas numa superfície de terra. A parte de cima, onde vemos, está limpa. Mas a parte de baixo… huuummm…..  marrom-bom-bom…
Aí o que eles fazem? Viram todas as pedras, e limpam a parte suja. É isso!
Fim da comovente história!
Pedrinhas!
E fim do infinito post! Nossa, cansaram de ler tanta coisa, né?!
Uma foto serena pra descansar a vista!


Um beijãooooooo!!!!

8 comentários:

Tio Marcinho disse...

Oi, V^^!

Nossa, essa experiência foi muuuuito legal!
Acho que eu vou passar na Liberdade e procurar essa parafernalia toda pra tomar um chazinho estiloso em casa também!

Se você continuar mantendo o Blog com esta qualidade, acho bom a Glória Maria, Mauricio Kubrusly e o Zeca Camargo se cuidarem...

Agora... dirigir de kimono deve ser U Ó!
Se pra andar já tem que dar aqueles passinhos curtos, imagina pra trocar de marcha.... hum... ...tá... ninguém lá troca a marcha, né!

Ah, recebi seu e-mail! Amei!
Depois mando mais fotos também!

Bjaum do tio!

Tio Marcinho disse...

Ah, faltou eleger a foto preferida deste post...
Você sempre linda em todas... (sorrindo, mesmo com as pernocas doendo de ficar de joelhos tanto tempo)...

Mas, desta vez, destaque pro seu pezinho na foto:

PEDRINHAS!

Bjaum!

Esther disse...

Hahaha que legaaaaaaaaal Verôoo!! Você foi na cerimônia do chá, que feliiiz mew :D ... hahaha ficar de joelhos por muito tempo não dói, mas depois eu não consigo levantar kkkkkk... Mas ein, tá toda bonita nas fotos~ Espero que esteja se divertindo muito por ai! Bjooo*

Midori e Henrique disse...

Oi Vero...

Muiiito interessante!!! Conhecer a história e as tradições in loco está sendo incrível, não é mesmo?

Seu blog é uma verdadeira aula!!!

Veronica Onuki disse...

Ahhh! Não comentei que eu não fiquei sentada de joelhos, né?? Haha... A forgada aqui ficou num banquinho! Ufa, eu não aguento sentar assim po mais de um minuto!!! Akaka :)

Bic disse...

Vero!!!
Fico imaginando vc causando com aquelas senhorinhas. Elas devem estar se divertindo a beça contigo!
Nossa! Kimono em cima de kimono? Eles tem ar condicionado? O pankeike do rosto delas deve derreter, Ne?! Ou shiseido nao derrete? Rs

Agora eu fico me imaginando no seu lugar... Vc deve estar adorando experimentar todas as comidinhas, já eu ia sofrer!!! Essa cerimonia do chá seria U Ó ( como disse o Tio) kkkkkk

Olha, se vc nao esta entendendo tudo o que elas estão falando, isso só quer dizer uma coisa!!!
A sua imaginação é incrivelmente Phoda!!! :)
To adorando as historias!

Se quiser trazer um barril dd sake daqueles de lembrança vai ser ótemo!

Agora a história das pedrinhas.... Essa é incrível! O pessoal ir pra limpar pedrinha por pedrinha???? Tenho mó pregui de limpar as pedrinhas do meu lustre ( que devem ter no máximo 50!) imagine essas ai! Rs

Olha, eu só sei que é uma delicia acompanhar os seus passeios pelo blog!!!

Beijinho e ate o próximo post!

Fer S. disse...


Tô dando altas gargalhadas sozinha!!!! A cada passeio seu dou mais risada!!! Fora os coments a parte!

Bom saber que você tá se divertindo por aí! E com tanta alegria você quase não fica sozinha! O que é bom! Novos amigos pra vida!=)

Comentando da sua viagem em casa descobri que parte da minha família (se não estou enganada,meu bisavô) é dessa cidade! Será que você vai conhecer algum parente meu??

Como dizem todos que estão postando...seu IBOPE tá altíssimo!!! Continue contando suas histórias!!!

Bjaum

Bic disse...

Vero! Descobri que a Miriam lê o seu blog também!!!! :)